Vem conhecer um pouco mais sobre Irecê-BA comigo!

Nesta quinta (31), Irecê-BA completa 85 anos de emancipação política! Para celebrar esse dia tão especial para a Capital do Feijão, localizada a 478 km de Salvador, arrumei as malas e peguei a estrada para explorar esta terra tão rica do semiárido baiano, em que tudo que se planta dá. #Partiu?

Logo de cara, fiquei maravilhado! Cheguei pela Av. Primeiro de Janeiro, uma das principais entradas do município, que possui plantas ornamentais, canteiro central impressionante e até iluminação especial. Chiqueza pura! Em seguida, fui passear pelo centro da cidade, onde me impressionei com o movimento nas ruas, que concentram pessoas de várias cidades da Microrregião de Irecê, e com a simpatia do povo, que, com um sorriso constante no rosto, deixam nosso dia mais feliz.

Acabei chegando à Praça da Bíblia, em que reside um lindo monumento em homenagem à fé cristã e parti para a Praça do Feijão, construída com palmeiras imperiais e iluminação moderna, dando um ar todo sofisticado ao local! Ali por perto, também fica a Praça Mário Dourado, onde há um monumento com o dizer “Nesta terra em se plantando tudo dá”. É muito interessante perceber que essas praças não só compõem o coração de cidade, mas mostram também como a agricultura sempre deu sustento à economia do local.

Irecê, que significa pela água/à mercê da corrente no tupi, já foi a maior produtora de feijão do nordeste e a segunda maior do Brasil. Hoje em dia, a economia da cidade e região se ainda baseia na produção agrícola de policultura, com destaque para a mamona, feijão, cebola, tomate, beterraba, cenoura e pinha, então precisava passar por algumas dessas plantações, né? Mas, por lá, são fortes também a pecuária e o comércio local, com destaque para a nossa loja, a maior e uma das mais antigas do Armazém PB!

Em seguida, passei pelo importante Projeto Quixabeira, que resgata a memória da colonização do local através da preservação de uma árvore, em que, segundo a memória coletiva, acamparam os primeiros migrantes, que vieram de outras regiões da Bahia e do Nordeste! Saí sabendo de tudo sobre Irecê e, para finalizar a viagem, fui conhecer o famoso bode do Restaurante Bode do Manel que superou minhas expectativas.

Feliz aniversário, Irecê, nunca canso de visitar você! Aqui é mesmo o nosso lugar! #tamojunto 🌳🤝


veja também


Total de comentários ()

Voltar para lista de notícias